2010 foi…

O ano em minha vida. Fiz e mantive mudanças que jamais pensei que faria… Mudei, em vários sentidos. De trabalho, de ares, de casa, de cidade, de igreja, de supermercado… Isso poderia ir looonge. Fui parar em Curitiba, quem diria! Mas o que me importa de verdade é que, mesmo com as diferenças, adaptações, saudades batendo na porta a cada minuto, foi a melhor coisa que poderia ter acontecido com a minha família. Digamos que, finalmente, andamos com as próprias pernas, medindo nossos passos como achamos melhor. Não digo isso ingratamente e desmerecendo toda a ajuda que já recebemos. Isso foi o que nos manteve como família, sem ajuda, não teríamos chegado onde chegamos. FATO. Mas também, não posso negar que o fato de tomarmos nossas decisões independente do que os outros têm em mente, fez toda a diferença. E eu digo isso nas menores coisas. O que vamos fazer no fim de semana, onde vamos passar o feriado, o que vamos comer amanhã… Muitas vezes pensávamos nessas coisas já incluindo outras pessoas. Não nos permitámos pensar em nós, somente. Não sabíamos aproveitar um ao outro. Sempre tinha que ter algum amigo ou familiar por perto. Agora, aprendemos a estar juntos, e saber aproveitar cada segundo disso. Hoje posso dizer que somos dependentes, sim. Mais que nunca. Mas agora, dependemos única e totalmente de Deus. É ele quem toma parte de nossas decisões. E quer saber o que? Estou mais que feliz com isso! Aprendi a olha pro meu marido com outros olhos e a aproveitar meus filhos, curtindo o melhor de cada um deles, e isso, não tem dinheiro no mundo que pague!

Quanto a saudade? Essa agente administra! E viva a geração Skype… Não fosse ele, minha conta telefônica seria astronômica, ligações seriam seletivas e curtas. Maaassss, com as “Maravilhas Tecnológicas” de hoje, ligo pras amigas de todos os lugares que quero, pra família, e tudo isso, na hora em que sinto vontade [Obrigada Deus!]

Descobri, de maneira não muito boa, que nem sempre vou encontrar pessoas tão acolhedoras como em minha querida cidade (Campo Grande – MS), mas que isso faz parte da vida e, por isso, tenho que contar ainda mais com minha família e Deus. Ter descoberto isso não tornou as coisas menos dolorosas, mas, mais simples de se aceitar. Descobri que nem sempre vai valer a pena trabalhar em um lugar por que você acha que é bom. Ás vezes, é melhor estar fora que em um ambiente onde as pessoas preferem pisar umas nas outras pelo simples prazer de fazer o dia de alguém mais difícil. Aprendi que quando se está livre, as melhores oportunidades têm maiores chances e, junto delas, vêm grande aprendizado e chances de conhecer pessoas maravilhosas!

Consegui ver que, pra ser amigo, não necessáriamente tenho que estar ao lado de alguém sempre, e vice-versa, mas que o simples fato de eu saber que ela tem um problema, orar por ela, e dizer me lembro, já faz de mim alguém na vida de alguém! Entendi que amor não é presença, mas é dedicação. É me dedicar a ligar, amar, orar, pensar, chorar, dividir, sorrir, pedir… Todas essas coisas e muito mais, sempre que possível por que, infelizmente, não posso fazer tudo o tempo todo. Não sou a Mulher Maravilha, certo Cyn?! E graças a Deus descobri isso em tempo de não ficar totalmente maluca!

Em fim… O ano de 2010 foi… E 2011 chegou. Sem promessas impossíveis de se cumprir, sem grandes espectativas pra evitar as também grandes e possíveis frustrações. Este ano chegou, pra mim, cheio de sonhos e planos que estão nas mão Daquele que é o Único que pode realizar pra mim: Deus. Um novo ano com pessoas que são novas a cada dia, não simplesmente num momento de festa onde todo mundo diz isso só por que é tradição. Neste caso, nem foi dito, mas foi guardado no coração a disposição de fazer deste ano, algo ainda melhor do que fizemos no passado.

Essa sou eu. Essa é minha família. Esse é o nosso Deus. Essa é a nossa vida. Espero que este seja, mais que o passado, o nosso ANO!

#VaiQueÉSuaDeus!!!

Anúncios

E não é que é sério mesmo?!

É, só eu e Deus sabemos quanto tempo faz que estou ensaiando para postar novamente, mas é que a situação é tensa!!! O chá de casa nova/despedida foi uma muvuca santa maravilha, suuuper divertido. Fora que ganhamos um moooonte de presentes…Além dos da lista. Coisa de Deus mesmo! Uma pena que não dá pra ficar somente na parte divertida, tenho que passar, novamente, pelo fato de que eu tive que levar o Marido Lindo ao aeroporto 3hr da madruga pra pegar o vôo para Curitiba, passando desesperadoras 2 hr amigávelmente por São Paulo. (Novela Mexicana Mode On) Pensei que eu iria morrer de tanto chorar, berrar, pedir pra não ir, gritar o nome dele enquanto o avião decolava e ele nem sonhava com meu escarcéu (Novela Mexicana Mode Off), mas não, me comportei como uma mocinha crescida que sabe que certas coisas tem que acontecer, por mais desesperador que pareça, e que no final, tudo vai ficar bem.

Neste momento, o Marido Lindo já está trabalhando em seu novo emprego, lá, um bocado longe de mim. Mas ele volta pra passar o Natal e Ano Novo nem que seja andando, mas volta, e, quando a festança acabar, é definitivo. Ele vai pra nos esperar chegar com a mudança toda. Talvez até meus pais irão pra levar e ajudar na mudança com o frango assado e a farofa na marmita!

Mas o que realmente importa é que estamos muito felizes, esperançosos e animados com essa nova fase… E morrendo de medo também.

2010 vai ser o nosso verdadeiro “ano novo, vida nova”… Que seja o que Deus quiser. MESMO!!!

#QUEROIREMBORALOGO!!!


Ai ai ai…

i-love-you-i-hate-you

Hoje, depois de alguns agitos necessários, Deus resolveu me colocar de casigo no fim do dia pra ver se eu sossego um pouco… Tô com uma tremenda dor no estômago, nada muito grave, mas chato pra burro!

Assim sendo, estava pensando em algumas coisas que eu já tinha pensado antes, mas a preguiça não me permitia colocar em prática… Resolvi que vou contar um pouco sobre as pessoas que eu amo, principalmente as que não estão por perto. Isso vai ser divertido e vai ser uma maneira de eu poder dizer o quanto são tão especiais pra mim e o quanto sinto falta deles ou o quanto me sinto feliz em tê-los por perto. Vai ser muito legal, pra mim pelo menos, espero que também gostem do que está por vir.

Ah!!! Destaque hoje para o feliz e lindo casamento do Wilson e da Carol… FELICIDADES casal, que Deus os abençoe infinitamente e dê pra vocês algo forte, bonito e real, como tem dado pra mim e pro Marido Lindo. Vocês merecem… Uma ótima lua-de-mel… (acho que isso é pleonasmo/redundância!!!)   #oamorélindo!